Universos Paralelos

Posted on novembro 4, 2015

0


 

Um astrofísico diz que ele pode ter encontrado evidências de universos alternativos ou paralelos, olhando para trás no tempo para logo após o Big Bang mais de 13 bilhões de anos atrás.

Enquanto o mapeamento do chamado “fundo cósmico de microondas”, que é a luz à esquerda do início do universo, cientista Ranga-Ram Chary encontrou o que chamou de um misterioso brilho, o International Business Times.

Chary, pesquisador do centro de dados do telescópio espacial Planck da Agência Espacial Europeia em CalTech, disse o brilho pode ser devido a importância de um universo vizinho “vazando” para o nosso, segundo a revista New Scientist.

“Nosso universo pode ser simplesmente uma região dentro de um eternamente inflar super-região”, escreveu o cientista Chary em um estudo recente na revista Astrophysical Journal.

“Existiriam muitas outras regiões além do nosso universo observável com cada um desses região governada por um conjunto diferente de parâmetros físicos do que as que temos medidos para o nosso universo”, Chary escreveu no estudo.

Embora os resultados soar promissor e já ganhou a atenção de outros astrônomos, como Russia Today (RT) informou, poderia ser bastante complicado para verificar, uma vez que o telescópio Planck fornece dados limitados para um estudo mais aprofundado.

“Reivindicações incomuns como evidência para universos alternativos requerem um alto ónus da prova,” Chary observado no estudo.
Vídeo

http://www.usatoday.com/story/tech/sciencefair/2015/11/03/alternate-universes-discovered/75102502/

https://uk.news.yahoo.com/evidence-multiverse-might-just-bumped-060000955.html#FUIPndB

Uma análise de dados do telescópio Plank, da Agência Espacial Europeia, encontrou um brilho no espaço profundo que pode ter se originado de um universo paralelo.

Em um estudo realizado recentemente, cosmólogos identificaram uma mancha estranha de luz brilhante, que pode ser o resultado da colisão de universos. A existência de múltiplos universos – chamada de multiverso – tem sido considerada viável nos últimos anos por especialistas na área.

Os universos teriam sido gerados partir do mesmo Big Bang e, com possíveis colisões, o resultado seria um resíduo de luz. Os pontos encontrados são 4,5 mil vezes mais brilhantes do que os cientistas previam que seriam. Em teoria, cada universo possuiria um tipo único de física, semelhante ou não ao que se conhece atualmente.

Ainda que a descoberta seja importante, os cientistas afirmam que devem trabalhar com cautela. Os dados obtidos deverão ser comprovados por outros instrumentos mais precisos.

O maior obstáculo para estudar os outros universos é o fato de que eles estariam em constante expansão, ao mesmo tempo em que se distanciam uns dos outros. Assim, a luz não conseguiria viajar rápido o suficiente para levar informações de um para o outro. Os pesquisadores teriam então que esperar colisões para comprovar a tese.
Telescópio pode ter encontrado evidências de um universo paralelo uol

 

Anúncios